Vitória na porrada e na bola

Antes do jogo com o Argentinos Juniors, os meus colegas são-paulinos e corinthianos vaticinavam:

– Sorte dele que tem o feriado e a gente só vai poder tirar sarro depois.

– Hoje é dia de eliminação, né?

Diziam isso na quarta-feira (20/4), um dia que eles mal suspeitavam, entraria para a história do Tricolor das Laranjeiras. Pois eis que colei no rádio à noite e logo deu-se o gol de Júlio Cesar. A minha vontade era desligar o aparelho e só voltar a saber de tudo mais tarde. Teimei e, oito minutos depois, os argentinos empatariam o jogo e, naquele instante, desliguei o rádio. Admito, previ o pior.

Horas depois, acessando a internet, na madrugada, flagrei que o Flu fizera os quatro a dois, bateu, apanhou, sangrou, contrariou novamente os hereges e segue vivo, lampejamente vivo na Libertadores da América.

E viva a Páscoa tricolor, que não se abalará com a eliminação no chinfrin campeonato estadual pelos rivais rubro-negros…

E que venha o Libertad!!!

Anderson Passos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s