Pangaré

Depois de aproximadamente dois anos sem fazer qualquer atividade física regular resolvi retomar minhas caminhadas.

O motivo principal é que me sinto pesado demais – ganhei cinco ou seis quilos ao meu peso original – minha glicemia está fora de controle e, vamos e venhamos, eu andava paradão demais.

Aliado a isso, cortei doces e refrigerantes do cardápio diário optando por sucos feitos no liquidificador, chás e água mineral.

Mas vamos ao título: fato é que eu terminava meu roteiro descendo a rua da Consolação, na altura do famoso cemitério, quando um vira-lata ladeou o passo comigo.

Num primeiro momento, achei que ele me lançaria um olhar mendigo a procura de comida. Afinal, era magro, pelugem negra bastante suja e bigodeira já querendo embranquiçar. Talvez tivesse uns dez anos ou um pouco mais.

Mas o bicho fez pouco caso deste passante e, quando me dei conta, ele já ia mais adiante. Na sua passada, vi que ele corria enquanto eu tentava acompanhá-lo recomendando algo como.

– Calma, Pangaré.

Ao chamá-lo assim achei que ia ter a simpatia do canino. Pois esse foi o pretexto para ele se apressar ainda mais e eu deixei que ele ganhasse distância até que nos aproximamos do acesso do Mackenzie.

Ainda que fosse um sábado, o movimento de carros era grande, e vendo o Pangaré disparar comecei a ficar tenso. Eu temia que o cachorro se arremessa à rua estabanadamente e fosse colhido por algum carro ou mesmo um ônibus.

Não sei se por milagre, o farol de repente fechou e Pangaré, ladeado por duas meninas, começou a cruzar a faixa de pedestres até o corredor de ônibus.

Havia mais uma faixa dupla de carros a transpor e o sinal de trânsito abriu. Pangaré e as meninas, que andavam até então em paralelo, de repente correram. Cerrei os olhos num segundo e, no seguinte, Pangaré já estava perto de um boteco onde, provavelmente, lhe seria oferecida alguma sobre de comida.

Anderson Passos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s