Feira Livre (2)

Vindo a São Paulo, as feiras livres voltaram a me perseguir paulatinamente. Um dia, mapeada a internet a procura de novo imóvel, pedi um comentário do meu irmão, Everson Passos, que sapecou.

– Não vai pra essa região aqui porque tem feira livre.

Meu irmão não tem o mesmo horror que eu relatei no post anterior, mas ponderava que as feiras na Pauliceia começam a se movimentar 4h quando inicia a montagem das barracas. Assim, garantia de muito barulho.

Além do mais, completou, a sujeira pós termino do turno de vendas, é algo bem pesado e de demorada remoção em alguns casos. Aceitei as ponderações do meu irmão e não me mudei, como planejava.

Mas a saga da feira livre, bem como o desejo de mudar-me, ainda não acabaram. Conto mais no próximo post.

Anderson Passos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s