Eu e o mestre

Na semana passada, recebi um informe da minha orientadora da graduação, Patrícia Weber, sobre a chegada do mestre Paulo Torino a São Paulo donde não titubeei em resposta: vou recebê-lo. Isso porque foi ele a primeira pessoa a me dar uma oportunidade na área, quando atuei na Unisinos FM, 103.3, de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, há exatos dez anos.

Então fui às proximidades do Aeroporto de Congonhas e encontrei o mestre tostado de sol e brinquei:

– Veraneando na Pauliceia, mestre?

Então o mestre, sempre um realizador, me contou mais uma de suas proezas. Que se aposentara do batente jornalístico e investira suas forças no projeto de um jornal voltado ao automobilismo, sua grande paixão. O “bronzeado” se devia aos dois dias batendo perna em Interlagos, onde conversou com possíveis anunciantes.

Tudo isso depois, claro, de um outro revés profissional que nem vem ao caso comentar porque a notícia é esta: o mestre continua com a criatividade e o desejo de fazer o que gosta pulsantes.

Grazzie e buona sorte, mestre soberano

Anderson Passos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s